Polícia Civil prende empresário apontado como distribuidor de drogas na região de Tianguá


15/10/2019

Image
iniciadas a partir das prisões de Paulo Martins Bráz (38) e Erivalda Pereira da Silva (49), conhecida por “Valda”. A dupla foi capturada em Ubajara, no dia 2 de outubro, ocasião em que foram apreendidos mais de 20 quilos de maconha. Dando continuidade ao trabalho, os policiais civis de Crateús e da DCTD compartilharam informações e chegaram ao nome de Victor como o distribuidor do material ilícito. Ainda segundo o que foi apurado, ele entregava a droga em uma caminhonete Strada de cor branca.




Com base no que foi descoberto, os policiais passaram a acompanhar a rotina do suspeito, e em um desses momentos presenciaram Victor entrando em um sítio localizado na zona rural de Tianguá. Na manhã do dia 9, sensores do Sistema Policial Indicativo de Abordagem (Spia) identificaram que a caminhonete Strada utilizada por Victor estava em tráfego na cidade de Eusébio, onde moram parentes do suspeito. Com essa informação, equipes da DCTD foram acionadas e seguiram até a região onde fica a casa dos referidos familiares. No mesmo momento, outra equipe da especializada, chefiada pelo delegado Pedro Viana, foi até o sítio onde o suspeito esteve no dia anterior, que seria o local utilizado para esconder drogas.

Na propriedade os policiais encontraram um homem identificado como Carlito de Paiva Sousa (34), conhecido como “Lourão”. Após questionamentos feitos ao citado, este levou os agentes de segurança até um ponto do sítio, onde foram desenterrados recipientes contendo 18 tabletes com maconha, totalizando 15,6 kg da droga. Foi dada voz de prisão a Carlito, que confirmou aos agentes que o terreno fora arrendado por Victor. A equipe que acompanhava Victor foi informada da apreensão e da prisão, momento em que foi solicitada a abordagem ao infrator.

Victor foi abordado na companhia de um homem identificado como Francisco Gean Sousa Almeida (38), conhecido como “Pepeu”. Os dois estavam na caminhonete utilizada na entrega de drogas e onde os policiais encontraram uma pequena quantidade de maconha. Dando prosseguimento à ação, os agentes foram até a residência de Gean, onde foram encontradas 300 g da droga in natura. A dupla recebeu voz de prisão. Todo procedimento foi instaurado na Delegacia de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), onde o trio foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. A Polícia Civil mantém as investigações, agora com o objetivo de capturar outros possíveis partícipes da ação criminosa.

Canais de denúncia

A população pode colaborar com os trabalhos investigativos repassando informações que tenha conhecimento sobre o tráfico de drogas. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), para o (85) 3472-1550, da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), ou ainda para o número (85) 98895-5749, que é o WhatsApp da Divisão, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem. O sigilo e o anonimato são garantidos.‬‬‬‬

Informações SSPDS