Membro de torcida organizada e mais seis pessoas são assassinadas nas últimas 24 horas no Ceará


22/08/2019

Image

Um jovem, membro de torcida organizada, está entre as sete pessoas que foram assassinadas no Ceará nas últimas 24 horas, no intervalo entre a quarta e a quinta-feira. Seis dos crimes sete ocorreram na Grande Fortaleza e apenas um caso foi registrado no interior do estado.


O torcedor, identificado como Caio Vitor, conhecido como “Lourinho da JGT”, foi executado a tiros, na tarde desta quarta-feira (21). O crime de morte ocorreu no cruzamento das ruas Dois e São Cipriano, no Barroso, na zona Sul de Fortaleza. Segundo apurou a Polícia, ele era integrante da torcida organizada do Fortaleza Esporte Clube,” Jovem Garra Tricolor”, e foi morto a tiros de pistola por desconhecidos.
Nas redes sociais, membros da organizada fizeram várias homenagens, mas não falaram acerca do que motivou a morte do torcedor. De acordo com testemunhas, os autores do homicídio estavam em uma motocicleta e dispararam cerca de 10 tiros. Na manhã desta quinta-feira (22) os amigos e colegas de torcida fizeram uma nova homenagem a “Lourinho JGT” no seu sepultamento em um cemitério particular.
Mais crimes - Outras seis pessoas foram mortas no Ceará nas últimas 24 horas. Uma delas, identificada somente pelo apelido de “Glaydson do Uber”. O assassinato aconteceu também na tarde de quarta-feira (21), na Rua Pedro Caetano, no Distrito de Pajuçara, em Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).
Em Pacatuba, a Polícia Civil localizou o corpo da pequena Maria Esther Farias Campelo, de apenas um ano e 10 meses de vida. Ela foi morta pela própria mãe, com a ajuda o padrasto. O casal já está preso e confessou o crime no 29º DP (Pajuçara). O corpo da criança foi deixado pelos assassinos no bairro Bom Retiro, em meio a um matagal.
Um homem, até agora identificado apenas por Vicente, foi encontrado morto em um barreiro, entre os Municípios de Maracanaú e Pacatuba, na comunidade conhecida como Alto Fechado. No cadáver havia sinais claros de violência. O assassinato é misterioso.
No Conjunto Palmeiras, na zona Sul da Capital, foi registra mais uma morte por intervenção policial. Um bandido morreu em troca de tiros com policiais militares na noite desta quarta-feira. O morto foi identificado como Antônio Wesley Souza Monteiro, 20 anos.
Em Sobral, na zona Norte do estado (a 224Km de Fortaleza), um homem foi morto, a tiros, na madrugada de ontem. O crime ocorreu por volta de 2 horas, no bairro Terrenos Novos. A vítima do crime foi identificada pela Polícia local como sendo José Edson de Souza Brito Filho.

*** Informações com BLOG FERNANDO RIBEIRO