Homem esquarteja mulher e espalha partes do corpo dela pele a cidade

Um turista americano é o principal suspeito de matar, esquartejar e depois espalhar partes do corpo de uma mulher pelo oeste do Japão.


Ele foi preso no dia 22 de fevereiro e confessou ter desmembrado a vítima após mantê-la confinada em um apartamento de Osaka. Os policiais encontraram partes do corpo dela tanto no imóvel quanto em áreas diferentes das montanhas próximas depois que prenderam Yevgeniy Bayraktar, de 27 anos.

A mulher, que também tinha 27 anos, estava desaparecida desde o dia 16 de fevereiro. Ela havia avisado aos amigos que encontraria um homem que conhecera nas redes sociais. Testemunhas contaram à polícia que ela foi vista entrando em um prédio na companhia de Bayraktar.
Depois disso, ele foi visto saindo do local sozinho várias vezes. Após a prisão, os agentes encontraram a cabeça da vítima em uma mala deixada em outro apartamento alugado pelo criminoso. Outras partes foram achadas em três locais diferentes.

O dorso estava em montanhas de Shimamoto, uma vila em Osaka. Os braços, a 600 metros de distância, colocados lado a lado e cobertos com terra, segundo o jornal japonês Asahi Shimbun. As pernas foram atiradas pelo assassino em Yamashina Ward, em Quioto, 30 quilômetros distantes das montanhas de Shimamoto.

Metrópoles
Disqus Comments

Notícias Geral

Mais de Notícias Geral
 

Mundo

Mais do Mundo