Jovem é queimada viva após resistir bravamente estrupo

Jovem é queimada viva após resistir bravamente estrupo. 

A pele da jovem Shama (nome fictício dado pelo Daily Mail) ficou carbonizada, rachada e marcada pelas chamas, após ela resistir bravamente a estupradores na Índia.

Mas sua atitude provocou uma reação comum no país. Os agressores, além de estuprá-la, a queimaram viva, jogando querosene colocando fogo no seu corpo porque ela se defendeu. As informações são do Daily Mail,Ela ficou na iminência da morte, mas sobreviveu milagrosamente. E contribuiu para o trabalho de uma fotógrafa, que buscou denunciar esses crimes na Índia, onde as vítimas são tratadas como criminosas e as desculpas são várias para aqueles homens que são os verdadeiros criminosos. Tal injustiça instigou a fotógrafa Smita Sharma a retratar imagens de sobreviventes de estupro e as famílias das vítimas que foram assinadas. O seu objetivo é ajudar a dissipar o medo que ronda o crime do estupro, em um país onde as vítimas são frequentemente responsabilizadas, em uma postura esquizofrênica de parte da sociedade.Uma de suas fotografadas, com quem conversou bastante, foi a mãe de uma menina de seis anos de idade, assassinada depois que ela foi estuprada por um homem que ela chamava de 'tio'. nky (foto), aos 12 anos, foi ver uma procissão de casamento quando uma vizinha a convidou para ir à sua casa.
R7
Disqus Comments

Notícias Geral

Mais de Notícias Geral
 

Mundo

Mais do Mundo