Após descobrir maus-tratos a bebê! Mulher mata amiga a facadas

TV VARJOTA EM DESTAQUE - AO VIVO

Após descobrir maus-tratos a bebê! Mulher mata amiga a facadas

Uma mulher identificada como Paula Fernanda Figueiras foi assassinada por uma mulher que morava com ela, Fabiane da Silva, tudo foi registrado em Belém do Pará, mais precisamente na Ilha de Mosqueiro. 



O crime brutal, de acordo com o portal CM7 foi a facadas. Elas viviam juntas há meses em uma casa que dividiam as despesas. Paula estava desaparecida desde o último domingo (15). Os familiares já iniciaram uma desconfiança com o sumiço de Paula e, após uma pressão sobre Fabiane para que ela dissesse onde a vítima estava, a assassina resolveu confessar que havia cometido o homicídio.

O padastro de Fabiane foi procurar os policiais militares para que o crime chegasse ao conhecimento das autoridades. Um sargento da Polícia Militar foi até a residência da acusada e ela levou os oficiais até o local onde ela havia escondido o corpo, em Furo das Marinhas, uma região de difícil acesso próximo a uma rodovia do Pará, em uma mata. O corpo estava coberto de lama e foi encontrado após alguns momentos de procura dos policiais e criminosa.

A morte de Paula Fernanda se deu após ela ter sofrido 32 facadas, de acordo com o Centro de Perícias Científicas Renato Chaves em um levantamento inicial. Um trabalho mais detalhado precisava ser feito, já que o corpo estava sujo e isso dificultava a localização de mais perfurações, caso existissem. A criminosa disse que cometeu o crime, tanto à policia quando à família por ela ter agredido seu filho de apenas três meses. Porém, existe outra versão que afirma que Paula teria dormido com o namorado de Fabiane.

Ela foi presa em flagrante após ter confessado o crime. A mulher foi levada para a 9ª Seccional de Mosqueiro e responderá por homicídio doloso. A polícia ainda está investigando uma possível participação de um homem no crime, que supostamente seria o namorado de Fabiane. Fotos muito fortes mostram a mulher completamente coberta de lama e com os braços abertos. Sua roupa parece ter sido cortadas e as facadas provavelmente foram localizadas na parte superior do corpo da vítima. Uma rosa foi colocada sobre o corpo.

Em novembro do ano passado, a Revista Exame publicou uma notícia que fala sobre o crescimento de homicídios envolvendo armas brancas no Brasil. Os números já superavam as mortes por arma de fogo em alguns estados. As mortes pelo uso de arma branca correspondem a 20,3% no Brasil e 24% no mundo. As agressões físicas, objetos não cortantes e outros fatores contam 8,1% dos homicídios dolosos e 35% no mundo.


News365

Compartilhe:

Disqus Comments