Homem tenta matar traficante que lhe vendeu sal no lugar de cocaína

Homem tenta matar traficante que lhe vendeu sal no lugar de cocaína

post-feature-image

Revoltado após afirmar ter sido enganado por um homem que no lugar de cocaína teria lhe vendido sal, o jovem José Luis Ramos Polanco, de 22 anos, tentou matar o rapaz a tiros. Polanco foi preso neste domingo (26) em Epitaciolândia, no interior do Acre. A polícia apreendeu ainda a arma utilizada no crime e dois cartuchos.

O rapaz que sofreu a tentativa de homicídio não ficou ferido e, de acordo com a informações da Polícia Militar (PM-AC), que atendeu a ocorrência, ele [vítima] afirmou que o acusado chegou na casa dele, pediu que saísse e já iniciou os disparos de arma de fogo. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil do município.

Após ser localizado pela PM-AC, Polanco informou que teria cometido a tentativa de homicídio depois de ser enganado pela vítima que, segundo ele, é traficante e teria lhe vendido uma porção dizendo ser cocaína, mas que na verdade era sal. A PM-AC disse que não entrou na casa da vítima para verificar se havia drogas, já que não havia provas suficientes para a abordagem.

O comandante da PM-AC de Epitaciolândia, capitão Fredson Araújo, afirmou que Polanco é boliviano e vive na cidade do interior do Acre, que faz fronteira com a Bolívia. Segundo Araújo, o suspeito é procurado pela polícia boliviana já que teria cometido ao menos 15 roubos no país vizinho.

"Na verdade, ele foi comprar droga aqui em Epitaciolândia e o rapaz que vendeu, no lugar de droga, vendeu sal. Aí ele foi e tentou matar o cara com dois tiros, mas nenhum tiro pegou no cara. No lado boliviano, ele [Polanco] é procurado pela polícia. Inclusive, tem até recompensa, porque ele fez uns 15 assaltos e latrocínio", afirmou Araújo.

g1

Compartilhe:

Disqus Comments