Conselho Tutelar pede prisão de pai que ensinava profissão de pedreiro ao filho

TV VARJOTA EM DESTAQUE - AO VIVO

Conselho Tutelar pede prisão de pai que ensinava profissão de pedreiro ao filho

“Um vídeo postado no Facebook mostra um pai que trabalha como pedreiro, ensinando a profissão ao seu filho… O garoto parece estar se divertindo com a situação e faz tudo extremamente rápido. O garoto seria filho do seguidor da página que divulgou o conteúdo.




Ele foi identificado como Francisco Fonseca. O pedreiro explica que desde novo o menino sempre gostou de trabalhar, mas isso tem gerado uma divisão online. Para algumas pessoas, um menor trabalhando é um absurdo e a cena é um flagrante do que chamam de exploração infantil. Já para outras, o pai está dando um bom exemplo e ensinando a criança a importância do trabalho”

Pois é, o diretor do Conselho Tutelar expediu junto a Vara da Infância e Juventude um mandato de prisão para o pai do garoto, acusando-o de explorar trabalho infantil do filho.

Um internauta, solidário à família vítima de tudo que está acontecendo defendeu o pai do garoto:
“Trabalhei muito com meu pai sempre estudei e brinquei! Hoje sou grato a ele por ter me ensinado a ser quem sou hoje! Com 12 anos comprei minha primeira calça jeans e meu tênis que queria! Fiquei tão orgulhoso de mim! Obrigado meu pai por ter sido um exemplo de guerreirooo!”, disse o rapaz.


Atualização, Notícias falsa?


Diante de um país cheio de corruptos, onde muitas vezes inocentes são presos, e grandes ladrões estão soltos, não é difícil acreditar e certas notícias. Os valores do Brasil se inverteram, ser ladrão, 71, é cultural e heroísmo. Infelizmente é assim no país onde muitos se corrompe, começando pelos os pequenos altos ilícitos. O Brasil infelizmente é assim, um país onde a maioria são sem vergonha.


Agora voltando a matéria, onde vamos investigar mais a profundo sobre esse caso e trazer a verdade. Os relatos abaixo não lucidam 100%.

Se formos analisar essa “reportagem”, podemos notar que ela possui várias características de um hoax, como por exemplo, a falta de fontes e as inúmeras incoerências ao longo do texto.

Em primeiro lugar, em qual Conselho Tutelar o “mandato” teria sido expedido? Somente na cidade de São Paulo existem vários, como podemos ver nessa lista.  

Além disso, nenhum diretor de conselho tutelar pode expedir “mandato” e tampouco mandado de prisão. Isso cabe aos juízes!

A “reportagem” não cita nem o nome do tal diretor e nem mais nenhuma prova de que isso tenha ocorrido de fato.

E pra terminar, a imagem usada para ilustrar essa “notícia” – de um homem sendo levado pelos policias – é de um caso ocorrido em março de 2016 no estado de Minas Gerais, quando um homem foi preso após ter colocado “de brincadeira” um anúncio da venda de um bebê recém-nascido na OLX!




Compartilhe:

Disqus Comments