Jovem com AIDS é preso por estuprar e engravidar duas irmãs

TV VARJOTA EM DESTAQUE - AO VIVO

Notícia de Varjota em Região

JORNAL VARJOTA EM DESTAQUE, notícias de Varjota e Região

A estreia do JORNAL VARJOTA EM DESTAQUE foi na segunda, dia 25 de setembro de 2017, as 12:30, quando a TV VARJOTA EM DESTAQUE entrou no ar ...

EDIÇÕES ANTERIORES DO JORNAL VARJOTA EM DESTAQUE

MAIS DA CATEGORIA TV VARJOTA EM DESTAQUE»

Receba atualizações do Site e da TV

Jovem com AIDS é preso por estuprar e engravidar duas irmãs

Um criminoso foi preso pela polícia na sexta-feira (09), na cidade de Saloá (PE)



Um criminoso foi preso pela polícia na sexta-feira (09), na cidade de Saloá (PE). O acusado foi identificado como Josivaldo da Silva Filho, de 20 anos, mais conhecido popularmente como “Choxo”, ele é o principal suspeito de violentar sexualmente as suas duas irmãs. As vítimas dos abusos têm 11 anos e 12 anos. Além dois crimes por estupro, o acusado vai responder pelo #Crime de violência doméstica. De acordo com informações repassadas pela polícia, o sujeito violentava sexualmente as vítimas desde que elas tinham oito anos.

Os abusos eram frequentes e sempre ocorriam da mesma forma, quando o acusado ficava só na residência junto com as vítimas. Segundo a polícia,  o acusado estuprava as vítimas ao mesmo tempo, e quando algumas delas se recusavam a fazer sexo com o ele, eram espancadas e ameaçadas de morte. Conforme a polícia, uma jovem violentada está grávida e a outra também está com suspeita de gravidez.

A polícia ainda disse que as duas jovens podem ter contraído o vírus da AIDS, pois o sujeito é soro positivo. Em outubro, uma irmã mais velha das vítimas ficou sabendo dos estupros que elas vinham sofrendo e, de imediato, denunciou o caso para o Conselho Tutelar da cidade que fez uma queixa do mesmo na delegacia da cidade. Após ficar sabendo da denúncia, o suspeito começou a ameaçar de morte as suas irmãs com uma faca peixeira, e, em seguida, fugiu do local tomando rumo até então ignorado.

No entanto, no final do mês de novembro, foi expedido um mandado de prisão preventiva do indivíduo. Após duas semanas de buscas pelo sujeito, a polícia ficou sabendo que o mesmo estava trabalhado em uma fazenda na zona rural da cidade. Diante da situação, os policiais se passaram por fazendeiros e se deslocaram até a fazenda, com o objetivo de efetuar a prisão.

O suspeito chegou para recepcionar os policiais disfarçados que aproveitaram a oportunidade e o prenderam. Em seguida, ele foi encaminhado para a delegacia da cidade, onde ficará à disposição da Justiça, para tomar todas as medidas dentro da lei.

blastingnews

Compartilhe:

Disqus Comments