Homem morre e policial fica baleado durante troca de tiros em Motel

TV VARJOTA EM DESTAQUE - AO VIVO

Homem morre e policial fica baleado durante troca de tiros em Motel

Um homem suspeito de crimes como homicídios e tráfico de droga morreu e um policial saiu baleado durante troca de tiros em uma ação da Coordenadoria de Inteligência (Coin), no Spark Motel, localizado na avenida Maestro Lisboa, no bairro Alagadiço Novo, por volta das 16h desta segunda-feira, 21. Duas pessoas foram presas na ocorrência.



Conforme a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a Coordenadoria de Inteligência (Coin) havia recebido uma denúncia anônima de que três pessoas realizariam um assalto no motel.

A pasta afirma que os policiais da Coin foram até o local para verificar a informação. No local, foram recebidos a bala pelo grupo.

Sérgio da Silva Bezerra, 35 anos, conhecido como "Serginho da Precabura", foi morto durante a troca de tiros. Um policial da Coin sofreu um tiro de raspão no braço, mas recebeu atendimento médico no local e passa bem. Bruno de Oliveira, 19 anos, e Francisca Rosewania Araújo Lima, 21 anos, conhecida por Rose, comparsas de Serginho na ação, foram presos no motel.

A Coin já vinha investigando "Serginho da Precabura" antes da ação no motel. O homem morto na troca de tiros com policiais tinha dois mandados de prisão em aberto: um por roubo e um por homicídio. Com ficha criminal extensa, Sérgio respondia a 11 procedimentos: quatro por homicídio, dois por associação criminosa, um por roubo, um por receptação, um por corrupção de menores, um por porte ilegal de arma de fogo e um por corrupção ativa.

Bruno tem passagens por estelionato e associação criminosa. Já Rose, não tinha antecedentes criminais. A dupla foi encaminhada para a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), onde será aberto procedimento policial. A Polícia apreendeu uma pistola ponto 40 e uma quantia de R$ 4.959,00 em espécie.


Suspeito envolvido em crimes contra policiais


"Serginho da Precabura" foi preso por participação na morte do subtenente reformado da PM, Francisco Alcemiro, em 2014. Na ocasião, o militar foi assassinado dentro de seu comércio, na localidade de Olho d'Água, no Eusébio.
Sérgio da Silva Bezerra é suspeito de ter participado do grupo que tentou assaltar a casa de um policial rodoviário federal no último dia 28 de outubro, no bairro Sapiranga. Na ação, o policial foi baleado na coxa, e um dos suspeitos morreu durante a troca de tiros.


Fonte: Jornal O Povo

Compartilhe:

Disqus Comments